segunda-feira, 6 de outubro de 2008

Religião esquisita


Num banquete, botaram um padre  sentado ao lado de um rabino.
O padre, querendo sacanear o rabino, enche o prato com pedaços de um suculento leitão e depois oferece para o "colega".
O rabino recusa, dizendo:
- Muito obrigado, mas... não sabia que a minha religião não permite a carne de porco?
- Noooossa! Que religião esquisita! Que peninha! Leitão é uma delííícia! - comenta o padre, destilando veneno.

Na hora da despedida, o rabino diz para o padre:
- Foi um prazer ter sua companhia. Mande minhas recomendações a sua mulher!
E o padre responde, irado:
- Minha mulher? Que mulher?!! Não sabe que a minha religião não permite casamento de sacerdotes?
- Noooossa! Que religião esquisita! Que peninha! Mulher é uma delííícia!!!
... Mas, se você prefere comer leitão...

Nenhum comentário: