domingo, 15 de abril de 2012

Dois exploradores são pegos na selva por uma tribo de canibais.


Os Exploradores

Dois exploradores são pegos na selva por uma tribo de canibais. O cacique se aproxima e diz:
— Para ter a vida salva, vocês vão ter que seguir minhas instruções. Vocês vão para a floresta e me tragam cem frutas iguais de qualquer espécie. Não tentem fugir, porque nós acharemos vocês muito rapidamente.
Os dois saem à procura das cem frutas... O primeiro volta depois de uma hora com cem cerejas.
— Muito bem — diz o cacique — agora você vai enfiá-las no rabo uma por uma sem dar risadas.
O cara começa: um, dois, três, quatro... Dez, vinte, trinta... Ele tenta não dar risada... Sessenta, oitenta, noventa, noventa e um... Ele finalmente chega ao fim: noventa e sete, noventa e oito e, de repente, cai na gargalhada.
— Você é louco? Já tinha praticamente terminado! — comenta o cacique.


— Eu sei, mais acabei de ver meu amigo voltar com cem melancias...


Casamento em Crise

Com o casamento em crise, a moça telefona desesperada para a mãe:
— Mamãe, mamãe! Eu e o Paulo tivemos uma briga horrível hoje pela manhã!
— Calma, minha filha... — pondera a mãe. — Não há nada de errado nisto. Todo casamento tem as suas brigas!
— Eu sei, mamãe, mas e agora? O que é que eu faço com o corpo?

Nenhum comentário: